20/05/2022 às 15h23min - Atualizada em 23/05/2022 às 00h01min

Preço do diesel tem alta e fecha os primeiros dias do mês a R$ 6,96 o comum e a R$ 7,08 o S-10, aponta Ticket Log

Combustíveis já registram quinta alta consecutiva e apenas o Estado do Amapá apresentou reduções no valor do litro

SALA DA NOTÍCIA Glaucia Galmacci
 

De acordo com dados do Índice de Preços Ticket Log (IPTL), referente aos primeiros dias de maio, o preço médio do diesel comum registra a média de R$ 6,96, com alta de 1,37% em relação ao fechamento de abril. Já o tipo S-10, foi comercializado a R$ 7,08, com acréscimo de 1,29%. Essa já é a quinta alta consecutiva no preço dos combustíveis desde o mês de dezembro, período em que as médias estavam em R$ 5,61 o comum e R$ 5,68 o S-10. 

“Antes de passar a valer a alta no preço do diesel, anunciada no último dia 9 de maio, o tipo comum estava sendo comercializado nas bombas pelo valor médio de R$ 6,88 e o tipo S-10 a R$ 7,02. Com o reajuste nas refinarias, esses valores já avançaram nas bombas a 1,2% e 1,7% respectivamente, em poucos dias, conforme o levantamento da Ticket Log”, destaca Douglas Pina, Diretor-Geral de Mainstream da Divisão de Frota e Mobilidade da Edenred Brasil.

No recorte regional, o Nordeste assume a posição que era do Norte e passa a comercializar o tipo comum pelo maior preço médio do País, a R$ 7,16, e teve a maior alta entre as regiões, de 2,79%. A menor média para esse tipo de diesel foi registrada nos postos do Sul, a R$ 6,53.

Já o maior acréscimo para o tipo S-10 também foi registrado nos postos de abastecimento do Nordeste (2,09%). Porém, a Região Norte comercializou o litro do combustível mais caro, vendido a R$ 7,30, alta de 0,44%, e a média mais barata foi encontrada nos postos de abastecimento da Região Sul, a R$ 6,61.

Na análise por Estado, a Bahia não só se destacou com as maiores médias em todo o território nacional para os dois tipos de diesel, como também registrou os maiores acréscimos no preço: 12,5% de acréscimo no preço do tipo comum, que passou de R$ 6,87 para R$ 7,73; e alta de 10,22% no tipo S-10, que passou de R$ 7,11 para R$ 7,83.

Já no Amapá, o cenário foi o inverso e o Estado apresentou os maiores recuos para os dois tipos de diesel: -4,56% o comum, que passou de R$ 7,02 para R$ 6,70; e de -3,37% para o S-10, que passou de R$ 7,80 para R$ 7,53. O menor preço médio para os dois tipos foi comercializado nos postos de abastecimento do Rio Grande do Sul, a R$ 6,48 e R$ 6,55, respectivamente.

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantado com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos credenciados da Ticket Log, que tem grande confiabilidade, por causa da quantidade de veículos administrados pela marca: 1 milhão ao todo, com uma média de oito transações por segundo. A Ticket Log, marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil, conta com mais de 30 anos de experiência e se adapta às necessidades dos clientes, oferecendo soluções modernas e inovadoras, a fim de simplificar os processos diários.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://noticiasdoes.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Envie sua sugestão de pauta pelo Whatsapp