06/02/2024 às 09h25min - Atualizada em 06/02/2024 às 09h25min

Victor Coelho acompanha início das aulas da rede municipal de Cachoeiro

O novo ano letivo das escolas municipais de Cachoeiro de Itapemirim começou nesta segunda-feira (5)

Foto: Divulgação

O novo ano letivo das escolas municipais de Cachoeiro de Itapemirim começou nesta segunda-feira (5). De acordo com a Secretaria Municipal de Educação (Seme), mais de 20 mil estudantes voltaram às salas de aulas.

Nesta manhã, o Prefeito Victor Coelho e a secretaria de Educação, Cristina Lens estiveram na escola Pedro Nolasco Teixeira Rezende, no bairro Paraíso, para conceder as boas-vindas aos estudantes.

“A cada novo ano, nossas expectativas aumentam e nos preparamos para receber nossos alunos com a maior qualidade possível. Qualificação dos profissionais e melhorias das unidades escolares, mostram nosso compromisso em proporcionar as melhores experiências de ensino-aprendizagem para os estudantes”, expressa a secretária.

“Desejamos um ótimo ano letivo para todos os nossos estudantes. Sabemos da qualidade da nossa educação, e temos certeza de que os alunos receberão o melhor que podemos oferecer”, salienta o prefeito Victor Coelho.

Os horários de funcionamento das escolas regulares e integrais são diferentes. Na educação infantil, as unidades de período integral funcionarão das 7h às 17h30 (creche) e 7h às 16h30 (pré-escola), enquanto as demais terão atendimento aos alunos do turno matutino das 7h às 11h30 e do vespertino das 13h às 17h30.

No ensino fundamental, as atividades no turno matutino serão desenvolvidas das 7h às 11h30, e no vespertino, das 13h às 17h30.

Já nas unidades de ensino fundamental de tempo integral, as aulas voltarão, dois dias depois: 7 de fevereiro e funcionarão de 7h30 e 16h30.

A modalidade de ensino integral é executada nas escolas “Nossa Senhora das Graças”, no bairro Agostinho Simonato; “Dona Maria Santana”, no bairro Basileia; “Prof. Elísio Cortes Imperial”, no bairro Teixeira Leite; “Julieta Deps Tallon”, do bairro Zumbi; “Prof. Athayr Cagnin”, do bairro Abelardo Machado; “Prof. Florisbelo Neves”, do bairro Novo Parque; “Gironda”, no distrito de Gironda; “Thereza Valiatti Sartório”, em Boa Esperança; “Prof. Valdir Freitas”, no Paraíso e “Prof. José Paineiras Filho”, do bairro Costa e Silva.

Escolas prejudicadas pelas chuvas

A Secretaria de Educação trabalha para reparar os danos causados pelas chuvas que ocorrem na última quinta. Ainda não há prazo para o retorno das aulas nessas seis unidades.

Na escola “Irmã Margarida”, localizada no Monte Belo, uma árvore caiu em cima do telhado, comprometendo a estrutura da cobertura; na “Maria das Neves Soares Albuquerque Espíndula”, no Alto União, telhas foram destruídas, uma árvore caiu em cima do playground e danificou parte do telhado e portão de acesso.

Na unidade “Thereza Viliatti Sartório”, em Boa Esperança, a estrutura das paredes do sistema d’água do combate a incêndio foi comprometida; na escola “Amélia Toledo”, em Córrego dos Monos, houve destelhamento e prejuízo na parte elétrica e distribuição de água.

Já na escola “Lucilla de Araújo”, localizada no Parque Laranjeiras, houve queda do muro, na parte externa, e perda de telhas.

 


Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo que acontece! Basta clicar aqui.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://noticiasdoes.com.br/.