13/07/2022 às 18h13min - Atualizada em 13/07/2022 às 18h13min

PC identifica, mas Justiça nega prisão de bandidos que fizeram família refém em Cachoeiro

Bandidos foram levados para o DPJ, mas liberados

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (DEIC), identificou os autores do roubo com restrição de liberdade ocorrido no interior de Cachoeiro de Itapemirim.

De acordo com a PC, no dia 24 de junho deste ano, durante a madrugada, um agricultor, ao sair de casa, foi abordado e rendido por dois bandidos com os corpos cobertos e usando toucas ninjas. Um deles portava arma de fogo e agrediram o agricultor com coronhadas, e amarraram as mãos dele com cordas e sua boca foi amordaçada com um pano.

Apos isso, os larápios adentraram a residência e renderam toda a família, trancando-a em um quarto do imóvel e roubaram vários pertences, entre eles uma caminhonete S10, cor branca.

Segundo o delegado titular da Deic, Rafael Amaral, a equipe de investigadores passou a realizar diligências chegando a dois autores do roubo, bem como identificaram mais três pessoas envolvidas nos crimes que estão sendo investigadas.
Ainda segundo Amaral, nesta quarta-feira (13), pela manhã, foi realizada uma operação no bairro Alto Bela Vista onde a equipe de 15 policiais deu cumprimento a mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça.

Na ação, foram conduzidos os dois autores que confessaram a autoria do roubo e recuperado quatro cheques roubados da família. Apesar de confessarem o roubo, os dois foram liberados, tendo em vista que o Poder Judiciário indeferiu os pedidos de prisão realizados pela Polícia Civil, bem como por não estarem em estado flagrancial. Agora as diligencias serão direcionadas aos outros envolvidos e o inquérito policial seguirá para a Justiça.

A caminhonete roubada foi recuperada dias depois do crime na cidade de Marataízes.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://noticiasdoes.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Envie sua sugestão de pauta pelo Whatsapp