11/07/2022 às 16h25min - Atualizada em 12/07/2022 às 00h11min

Sugestão de pauta: Saiba quais são os nomes mais populares entre os jogadores do Campeonato Brasileiro 

O levantamento foi feito pelo sites-de-apostas.net

SALA DA NOTÍCIA Gabriel Almeida
https://www.sites-de-apostas.net/prognosticos-noticias/saiba-quais-sao-os-nomes-mais-populares-entre-os-jogadores-do-campeonato-brasileiro

Saiba quais são os nomes mais populares entre os jogadores do Campeonato Brasileiro 
 

O levantamento foi feito pelo sites-de-apostas.net

 

SÃO PAULO - 11 de julho de 2022 - O Brasil é um grande celeiro de craques, seja para o futebol local ou para o exterior. Diferente de outros lugares do mundo, o futebol brasileiro não é lembrado apenas pela qualidade dos jogadores, mas também por seus nomes peculiares.

Nos últimos anos, as coisas mudaram. É considerado normal ver os apelidos sendo substituídos pelos nomes compostos. Apelidos folclóricos como Zizinho, Pelé, Biro-Biro, Pintado, Túlio Maravilha e Caça Rato são cada vez mais deixados de lado para dar lugar aos nomes dados no nascimento. Evidentemente, ainda existem exceções, principalmente se os apelidos puderem ser adaptados para “inho” ou “aõ, como Ronaldinho ou Fabão.

Baseado nisso, o sites-de-apostas.net elaborou um Top 10 dos nomes mais populares entre os mais de 700 jogadores que atuam na Série A do Campeonato Brasileiro, juntamente com um time para os 2 líderes do ranking

Veja a lista abaixo.

 

10 - Luis/Luiz | 11 atletas

O único nome da lista que há apenas um por cada clube. Destaque para um dos poucos apelidos ainda utilizados: Luizão.

Luis Antonio (Fortaleza), Luis Oyama (Botafogo), Luis Orejuela (Athletico-PR), Luis Roberto (Atlético-GO), Luiz Felipe (Santos), Luiz Fernando (Atlético-GO), Luiz Filipe (Goiás), Luiz Henrique (Fluminense), Luiz Otavio (Ceará), Luizão (Coritiba) e Luizão (São Paulo).

 

9 - Gustavo | 11 atletas

Destaque para o Palmeiras e seu trio de Gustavos: Garcia, Scarpa e Gomez.

Gustavinho (América-MG), Gustavo Marques (América-MG), Gustavo Sauer (Botafogo), Gustavo Garcia (Palmeiras), Gustavo Scarpa (Palmeiras), Gustavo Gomez (Palmeiras), Gustavo (Cuiabá), Gustavo Mosquito (Corinthians), Gustavo Henrique (Flamengo), Gustavo Maia (Internacional) e Gustavo (Avaí).

 

8 - João | 11 atletas

Destaque para a dupla do Cuiabá: Carlos e Lucas.

João Carlos (Cuiabá), João Lucas (Cuiabá), João Lucas (Internacional), João Paulo (América-MG), João Paulo (Santos), João Ricardo (Ceará), João Pedro (Corinthians), João Victor (Corinthians), João Victor (Ceará), João Victor (Juventude) e João Victor (Botafogo).
 

7 - Léo | 12 atletas

Destaque para as duplas do Atlético-GO e Athletico-PR.

Léo (Atlético-GO), Léo Pereira (Atlético-GO), Léo Rafael (Ceará), Leo Pereira (Flamengo), Léo Cittadini (Athletico-PR), Leo Linck (Athletico-PR), Léo Realpe (Bragantino), Léo Ortiz (Bragantino), Leo Baptistão (Santos), Léo Mana (Corinthians), Léo Pelé (São Paulo),e Leo Gamalho (Coritiba).

 

6 - Bruno | 13 atletas

Destaque para os apelidos da dupla do Bragantino: Bruninho e Bruno Tubarão.

Bruno Silva (Avaí), Bruno Cortez (Avaí), Bruno (Juventude), Bruno (Bragantino), Bruno (Santos), Bruno Tubarão (Bragantino), Bruninho (Bragantino), Bruno Melo (Corinthians), Bruno Mendez (Corinthians), Bruno Pacheco (Ceará), Bruno Gomes (Internacional), Bruno Henrique (Flamengo) e Bruno (Flamengo).

 

5 - Pedro | 13 atletas

Destaque para os trios de Athletico-PR e Goiás.

Pedrinho (América-MG), Pedrinho (Athletico-PR), Pedro Henrique (Athletico-PR), Pedro, Rocha (Athletico-PR), Pedrinho (Goiás), Pedro Bahia (Goiás), Pedro Raul (Goiás), Pedro Igor (Ceará), Pedro Bicalho (Palmeiras), Pedro Arthur (Coritiba), Pedro Rangel (Fluminense), Pedro (Flamengo) e Pedro (Internacional).

 

4 - Victor/Vitor | 14 atletas

Destaque novamente para mais um trio do Furacão, além do trio botafoguense.

Victor Hugo (Flamengo), Vitinho (Flamengo), Vitão (Internacional), Vitinho (Avaí), Vitinho (Athletico-PR), Vitor Bueno (Athletico-PR), Vitor Roque (Athletico-PR), Victor (Botafogo), Victor Cuesta (Botafogo), Victor Luis (Botafogo), Vitor Gabriel (Juventude), Vitor Mendes (Juventude), Vitor Hugo (Goiás) e Vitor Ricardo (Fortaleza).

 

3 - Gabriel | 21 atletas

Destaque para os 4 trios: Inter, Atlético-GO, São Paulo e Palmeiras

Gabriel (Internacional), Gabriel Boschilia (Internacional), Gabriel Mercado (Internacional), Gabriel Baralhas (Atlético-GO), Gabriel Santos (Atlético-GO), Gabriel Noga (Atlético-GO), Gabriel Barbosa (Flamengo), Gabriel Pirani (Cuiabá), Gabriel Busanello (Juventude), Gabriel Neris (Juventude), Gabriel Sara (São Paulo), Gabriel Neves (São Paulo), Gabriel Maioli (São Paulo), Gabriel Delfim (Atlético-MG), Gabriel Gomes (América-MG), Gabriel Novaes (Bragantino), Gabriel Lacerda (Ceará), Gabriel Silva (Fortaleza), Gabriel Silva (Palmeiras), Gabriel Veron (Palmeiras) e Gabriel Menino (Palmeiras).

 

2 - Lucas | 23 atletas

Destaque para os trios do Santos e Botafogo.

Lucão (Bragantino), Lucas Belezi (Corinthians), Lucas Piton (Corinthians), Lucas Braga (Santos), Lucas Barbosa (Santos), Lucas Pires (Santos), Lucas Cardoso (Cuiabá), Lucas Chagas (Atlético-GO), Lucas Lima (Atlético-GO), Lucas Lima (Fortaleza), Lucas Crispim (Fortaleza), Lucas Freitas (Palmeiras), Lucas Ramos (Internacional), Lucas Mezenga (Botafogo), Lucas Piazon (Botafogo), Lucas Fernandes (Botafogo), Lucas Ventura (Avaí), Lucas Evangelista (Bragantino), Lucas Halter (Athletico-PR), Lucas Kal (América-MG), Lucas Beraldo (São Paulo), Lucas Ramires (Juventude), Lucas Ribeiro (Ceará) e Luccas Claro (Fluminense).

 

1 - Matheus/Mateus | 27 atletas

Destaque para mais um trio do Atlético-PR, além de Goiás e Flamengo. 

Matheus Peixoto (Ceará), Matheus Dias (Internacional), Matheus Cadorini (Internacional), Matheus (Goiás), Matheus Sales (Goiás), Matheus Alves (Goiás), Matheus Donelli (Corinthians), Matheus Araújo (Corinthians), Matheus Alexandre (Coritiba), Matheus Nascimento (Botafogo), Matheus Mendes (Atlético-MG), Matheus Martins (Fluminense), Matheus Ferraz (Fluminense), Matheus Babi (Athletico-PR), Matheus Felipe (Athletico-PR), Matheus Fernandes (Athletico-PR), Matheus Jussa (Fortaleza), Matheus Vargas (Fortaleza), Matheus Galdezani (Avaí), Matheus Ribeiro (Avaí), Matheus Cavichioli (América-MG), Matheusinho (América-MG), Matheuzinho (Flamengo), Matheus França (Flamengo), Matheus Cunha (Flamengo), Mateus Petri (São Paulo) e Mateus Oliveira (Palmeiras).
 

Matheus e Lucas dominam no topo dessa lista, por isso o sites-de-apostas.net também montou uma seleção para cada nome. Quem levaria a melhor nesse confronto? Confira abaixo:

 

 

É bem comum nos dias atuais ver um jogador chegar ao time principal e, de imediato, ser aconselhado a largar o apelido usado nas divisões de base, algo que muitos acreditam ser parte do processo de profissionalização do futebol nacional. Por outro lado, existe a opinião de que isso tira um pouco do brilho e do entretenimento do esporte. O que você acha: os apelidos deveriam ganhar protagonismo outra vez?


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://noticiasdoes.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Envie sua sugestão de pauta pelo Whatsapp