07/07/2022 às 18h16min - Atualizada em 08/07/2022 às 00h01min

Apple Watch Series 7: sobre tela e carregamento rápido | Review

O Apple Watch Series 7 é uma pequenina atualização do Series 6, apenas com tela maior e recarga mais rápida. Mais nada mesmo.

Olhar Digital
https://olhardigital.com.br/2022/07/07/reviews/apple-watch-series-7-sobre-tela-e-carregamento-rapido-review/

A cada ano a Apple renova uma grande quantidade de produtos e mesmo o relógio sendo aquele que tende a durar mais que um celular, o Apple Watch, também entra nestes updates. Foi o que aconteceu com o Apple Watch Series 7 recentemente.

Ele foi apresentado como pequena atualização do Series 6, entregando melhorias bacanas como carregamento mais veloz e tela com maior visibilidade pras laterais…e é basicamente isso. Quase nada muda por dentro e nem mesmo por fora, mas será que o Apple Watch Series 7 vale a pena? Será que você precisa de um, principalmente se já tem outro modelo mais antigo? Eu sou André Fogaça e nos próximos parágrafos eu te conto a minha experiência de algumas semanas com esse relógio no pulso.

Leia também

Review do Apple Watch Series 7 em vídeo

Design e tela

Se você viu o primeiro Apple Watch, ou qualquer outro Apple Watch recentemente, sabe o que encontrar por aqui. No Series 7 o visual externo continua fiel ao que foi introduzido anos atrás e isso não é exatamente ruim. Pense: quantos anos, décadas ou séculos já temos de relógios de pulso e todos continuam basicamente iguais, mudando uma coisinha aqui e ali?

Enfim, o modelo que uso tem corpo que diz com bastante vontade ser verde, por mais que ele pareça (bastante) apenas preto ou cinza escuro. A caixa desse aqui é feita em alumínio, mas existe outra de aço inoxidável que tende a ser mais duradoura e cara. Quão mais cara? Quase o dobro do preço.

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

O corpo continua resistindo bravamente ao ataque da água e essa pode ser do mar, em até 50 metros de profundidade. A coroa digital também está no mesmo lugar e faz a mesma coisa desde o primeiro relógio inteligente da Apple, mas um ponto foi aprimorado neste lado e ele é a capacidade do corpo sobreviver com tranquilidade em locais com muita, mas muita poeira, ou areia.

Olhando para a tela, agora sim uma mudança visível de longe. Ela é 20% maior que outros modelos e a última vez que um Apple Watch recebeu upgrade de display para maiores proporções foi lá no Series 4. No Series 7 o incremento não é tão grande, mas ainda assim é possível entender a diferença e o benefício, tanto que a própria empresa da maçã colocou um mostrador de horas com os números espremidos lá nas bordas, além de um teclado virtual que…bem, é melhor nem cogitar a existência dele.

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

A ideia aqui é mostrar exatamente: olha, a tela cresceu! Enfim, o vidro também recebeu melhorias para resistir mais ao mundo e isso significa quedas, indo até esbarrar em alguma coisa. Isso acontece com frequência com relógios, então é importante ter alguma segurança extra por aqui.

Na reprodução de cores o display continua excelente, mesmo em ângulos enormes e em qualquer condição de luz. A Apple diz que esse Apple Watch lida melhor com o brilho em ambientes mais escuros (com o modo de tela sempre ligada, sabe) e isso é verdade, mas na luminância máxima ele não está maior e isso não é ruim. Ver um Apple Watch em locais ensolarados nunca foi um problema e continua não sendo neste modelo.

Hardware e software

Se por fora algumas mudanças são bacanas para resistência ou na tela, por dentro elas são bem menores e menos empolgantes. No Apple Watch Series 7 a Apple não incluiu nenhum sensor novo. Isso significa que ele continua com luz na parte inferior para acompanhar batimentos cardíacos, consegue medir o nível de oxigênio no sangue, o que é muito importante desde o começo da pandemia, além de fazer um rápido eletrocardiograma.

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Não, esse modelo não recebeu a possibilidade de medir a temperatura, glicose ou pressão arterial. Rumores gritavam isso antes de seu lançamento, mas fica para a próxima.

Enfim, o Apple Watch Series 7 continua sendo capaz de registrar uma quantidade generosa de exercícios, incluindo caminhada, bicicleta, elíptico, remar, subir escadas, trilha, yoga, pilates e até natação. O software ganhou um recurso novo por aqui, que é a detecção de quedas mesmo durante um exercício.

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Em desempenho, o novo chip S7 é quase idêntico ao modelo anterior e isso está longe de ser ruim. O Apple Watch Series 6 já era veloz na hora de abrir qualquer app ou recurso, isso continua por aqui.

Bateria

Se você busca um smartwatch com bateria para uma semana de uso, o Apple Watch Series 7 ainda não é esse relógio e dificilmente será no futuro. Esse dispositivo continua como um produto feito para recargas diárias, sempre de noite, mas eu consigo fazer a bateria durar fácil um dia e meio.

Em números a Apple continua prometendo 18 horas de uso, mesmo com a tela sempre ligada. OK, mas uma evolução bacana está na recarga. Agora ela é mais veloz, batendo em um incremento de velocidade marcado em 30% quando comparado com o Series 6.

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

No final das contas esse incremento dá mais ou menos 20% de energia voltando pra bateria em 10 minutos de recarga.

Vale dizer que essa melhoria só acontece com o carregador do relógio que vem na caixa dele, com a conexão USB-C. O Apple Watch Series 7 aceita até o cabo do primeiro modelo da Apple, mas a recarga volta a estar na mesma velocidade anterior.

Carregar mais veloz é bacana, mas eu esperava é mais tempo longe da tomada, viu Apple? Ou então quem sabe liberar o carregador do Apple Watch Series 7 para o padrão de recarga por indução Qi, como faz o iPhone, os AirPods e o Galaxy Watch.

Apple Watch Series 7: vale a pena?

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Apple Watch Series 7 (Imagem: Mario Kurth/Olhar Digital)

Olha, o Apple Watch Series 7 mede batimentos cardíacos, oxigenação do sangue, a altitude e faz eletrocardiograma, registra diversos exercícios, até mesmo bicicleta e diz saber identificar quando a bike é elétrica para calcular melhor a queima calórica, mas tudo isso o Series 6 também faz e faz muito bem.

Como diferencial o Apple Watch Series 7 tem tela um pouco mais resistente e maior, certificação para sobreviver melhor ao encontro com poeira, além de recarga mais rápida no cabo USB-C. E é isso. Ele faz sentido se você vem do Series 4 ou 5, mas se está no 6 o upgrade é só uma perfumaria bem pequena.

Se você quiser um primeiro Apple Watch e a grana está liberada, não existe motivo para não comprar o Series 7. Ele é ótimo. Se está um pouco apertada, levar o Series 6 pra casa é uma escolha ótima também.

O post Apple Watch Series 7: sobre tela e carregamento rápido | Review apareceu primeiro em Olhar Digital.



Fonte: https://olhardigital.com.br/2022/07/07/reviews/apple-watch-series-7-sobre-tela-e-carregamento-rapido-review/

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo que acontece! Basta clicar aqui.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://noticiasdoes.com.br/.