03/07/2022 às 15h34min - Atualizada em 04/07/2022 às 00h01min

Ex-funcionários da Tesla processam a empresa por casos de racismo

Ex-funcionários da Tesla relatam diversos casos de racismo na fábrica de Fremont, na Califórnia, e entram com processo contra a empresa

Olhar Digital
https://olhardigital.com.br/2022/07/03/internet-e-redes-sociais/ex-funcionarios-da-tesla-processam-a-empresa-por-casos-de-racismo/

Um grupo de 15 ex-funcionários da Tesla está processando a empresa por não impedir o racismo em sua fábrica de Fremont, na Califórnia, nos Estados Unidos. Os trabalhadores apontam que estavam sujeitos a assédio racial, insultos racistas e comentários depreciativos no local de trabalho.  

Na denúncia, os funcionários relatam que alguns colegas de equipe frequentemente usavam termos racistas e discriminatórios. Além disso, os denunciantes ainda apontam que a Tesla não removia grafites racistas presentes nas paredes dos banheiros, bancos e armários da empresa.  

Leia também!

Entre os termos rabiscados, estavam “KKK”, sigla que faz alusão a Ku Klux Kan, uma organização norte-americana que se pauta pelo supremacismo branco. Também existiam desenhos de suásticas, símbolo que ficou conhecido como a marca registrada do nazismo.  

O processo aponta que a administração da montadora de carros elétricos de Elon Musk participou dos assédios e “ignorou reclamações e denúncias repetidas”. Alguns ex-funcionários chegam a afirmar que sofreram retaliação por denunciarem os casos de racismo.  

Nathaniel Aziel Gonsalves, que trabalhou na Tesla por 9 anos, disse ter sido demitido repentinamente após denunciar continuamente a discriminação racial presente na empresa. Outros colaboradores apontam que tiveram promoções negadas com base na raça.  

Showroom da Tesla em Cambridge, na Inglaterra

Showroom da Tesla em Cambridge, na Inglaterra

Imagem: George Monie/Shutterstock

Essas não são as primeiras denúncias de racismo na Tesla, a empresa está sendo investigada pelo Departamento de Emprego Justo e Habitação da Califórnia, que considera a fábrica de Fremont um “ambiente racialmente segregado, onde trabalhadores negros são submetidos a insultos raciais e são discriminados”.  

A montadora também é alvo de uma investigação da Comissão de Oportunidades Iguais de Emprego dos Estados Unidos. 

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Ex-funcionários da Tesla processam a empresa por casos de racismo apareceu primeiro em Olhar Digital.



Fonte: https://olhardigital.com.br/2022/07/03/internet-e-redes-sociais/ex-funcionarios-da-tesla-processam-a-empresa-por-casos-de-racismo/

Receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro de tudo que acontece! Basta clicar aqui.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://noticiasdoes.com.br/.